Cinema Nacional

Tem filme brasileiro bom sim, chega de preconceito. O cinema nacional está evoluindo cada vez mais, ganhou uma auto-confiança importantíssima após o sucesso do Cidade de Deus. Temos histórias lindas, bem-feitas, retratando de forma verdadeira o que se passa no nosso país que não, não é apenas o mundinho de São Paulo.

Acredito que a variedade de filmes e assuntos abordados (ainda) não é grande, tem muito chão para percorrermos, temos que melhorar a sonoridade, mas mesmo assim, nos últimos anos a qualidade tem aumentado bastante e o cinema nacional está caminhando para um ponto importante de sucesso.

Fiz uma lista com os que eu mais gosto (em ordem de preferência mesmo):

  1. Bicho de sete cabeças
  2. Cidade de deus
  3. Ultima parada 174 (o filme, não vi o documentário)
  4. O pagador de promessas
  5. Lisbela e o prisioneiro
  6. Olga
  7. O palhaço
  8. Abril Despedaçado
  9. Carandiru
  10. Linha de passe
  11. O homem que copiava
  12. Meu nome não é Johnny
  13. Cartola música para os olhos
  14. Tropa de Elite
  15. O ano em que meus pais saíram de férias
  16. É proibido fumar
  17. Chico Xavier
  18. Divã
  19. O cheiro do ralo

E aqui, alguns que já estão no meu caderninho para assistir assim que possível:

  1. Raul – O inicio, o fim e o meio
  2. Dom
  3. Villa Lobos – Uma vida de paixão
  4. Xingu
  5. Paralelo 10
  6. Simples mortais

E vocês o que acham? O cinema nacional melhorou? Falta variedade?

Ah, super aceito indicações de filmes fora da lista. Que aliás, foi muito difícil fazer, vários devem ter ficado de fora..

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s